Jipeiro suspeito de matar amigo em festa se entrega à polícia


Ailton Berto da Silva, 50 anos, é suspeito de matar Fantone Maia, 41, e balear mais dois amigos durante festa de confraternização em Santa Rita no sábado (30). Fotos: Polícia Civil/Divulgação

Sete dias após a confraternização que terminou em um morto e dois feridos, o principal suspeito do crime foi preso nesta sexta-feira (6) na cidade de Goianinha, Região Metropolitana de Natal. Ailton Berto da Silva, 50 anos, entregou-se no início desta tarde. Ele é apontado pela polícia pela morte de Fantone Henry Filgueira Maia, 41 anos, em uma festa do clube de trilhas de veículos 4×4 na Praia de Santa Rita, em Extremoz, no sábado (3).

Ailton Berto da Silva foi detido mediante o cumprimento de um mandado de prisão temporária expedido pela Justiça. De acordo com as investigações, o crime ocorreu durante um desentendimento que houve entre os participantes da festa. Ailton sacou uma pistola e efetuou diversos disparos, atingindo Fantone Henry.

Na ocasião, mais duas pessoas foram atingidas: Marques Artur Macedo de Lima Cosme, 38 anos, e Ivo Bruno, 35 anos, foram baleados também na festa. Eles seguem internados em hospitais de Natal.

O carro de Ailton já havia sido localizado na terça-feira (3) em uma granja no município de Extremoz. O suspeito vai ser encaminhado para a sede da Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) em Natal ainda nesta sexta-feira.

Notícias

Crie seu artigo agora mesmo!